Uma vida de sorrisos

Uma vida de sorrisos

Gengivas avermelhadas, inchadas ou até mesmo sangrantes são um sinal de alerta de que alguma coisa está errada

Gengivas avermelhadas, inchadas ou até mesmo sangrantes são um sinal de alerta de que alguma coisa está errada.

Chamada de gengivite, a inflamação das gengivas se dá pelo acúmulo da placa bacteriana – uma fina película aderida ao esmalte dos dentes, composta por bactérias que provocam a cárie dental e por substratos, restinhos de alimento que ficam sobre os dentes pela não escovação ou uma escovação pouco eficiente. Com o acúmulo dessa placa, as bactérias vão produzindo substâncias tóxicas que inflamam as gengivas, deixando-as com aspecto avermelhado, inchadas e passíveis de sangramento.

A gengivite sem tratamento adequado evolui e rompe as barreiras de segurança, chegando ao osso dos maxilares, provocando a perda dos dentes.

Por isso, é muito importante:

• Escovar os dentes usando pastas dentais com flúor após cada refeição. O ideal seria três vezes ao dia.

• Usar sempre o fio dental, principalmente antes de dormir, para remover restos de alimentos e a placa bacteriana onde a escova não alcança.

• Trocar de escova a cada três meses.

• Ao escovar os dentes, é muito importante massagear a gengiva e escovar a língua, pois as bactérias não estão somente nos dentes.

• Evite consumir alimentos açucarados e que grudam nos dentes. Faça a opção por alimentos ricos em fibras, como cenoura, maçã e vegetais diversos.

Visite um dentista a cada seis meses – ele irá remover a placa bacteriana fazendo, assim, a prevenção, tanto da cárie quanto da gengivite.